Post atualizado em

Se a sua empresa usa carros e caminhões para a transportar de mercadorias e pessoal, fazer o monitoramento de motoristas da frota pode ser importante. Afinal, a carga e os próprios veículos têm alto valor agregado, tanto para o fabricante, para a transportadora e para os clientes. Fora isso, de uma maneira geral, é mais seguro para quem transporta ter o veículo rastreado – assim, a sua localização é clara para a empresa a todo o tempo.

Saiba mais: 
Como fazer o controle da jornada dos motoristas

Existem diversas práticas e sistemas disponíveis no mercado que aumentam a segurança e se tornam fontes de economia. Telemetria, roteirização e rastreamento de frotas são algumas das opções tecnológicas mais usadas, que exibem resultados favoráveis para os gestores.

Este artigo foi criado para esclarecer como é possível tornar a sua empresa mais produtiva e reduzir custos operacionais por meio do monitoramento de motoristas. Vamos lá?

Quais são os principais sistemas de monitoramento?

motorista monitorar 1024x683 - Monitorar o motorista da frota ajuda a reduzir custos?
Os ganhos que qualquer frota pode ter com o monitoramento vão muito além da simples função de rastreamento. Afinal, saber a posição do veículo em um dado momento não fornece informações relevantes sobre o funcionamento da frota e o comportamento do motorista ao volante.

Por isso, é recomendado adquirir softwares que ofereçam:

  • Telemetria
  • Rastreamento
  • Botão de pânico
  • Assistência remota
  • Programação das rotas
  • Alerta em casos de desvios
  • Comunicação com o motorista
  • Bloqueio do veículo em caso de roubo

Quais são as vantagens fazer o monitoramento de motoristas da frota?

motorista monitoramento 1024x683 - Monitorar o motorista da frota ajuda a reduzir custos?
As empresas que mantêm uma frota própria ou contratam motoristas autônomos para realizar os serviços de frete podem ser afetadas por diversos riscos. Os acidentes de trânsito, roubo de cargas e as avarias sofridas durante o trajeto podem causar prejuízos e devem ser prevenidos.

Por isso, usar o monitoramento de motoristas é uma ferramenta importante para garantir a segurança da operação e aumentar a qualidade dos serviços.

1. Aumento da produtividade

O atual contexto econômico é a causa pela qual os gestores buscam formas de tornar a operação mais eficiente, obtendo, assim, a maximização da produtividade. Isso é possível devido ao planejamento da distribuição e das rotas seguidas pelos condutores.

Essa opção garante que os carros estão sendo utilizados para fins relacionados às atividades da empresa, como o atendimento aos clientes e a realização de entregas. Essa funcionalidade também permite acompanhar o deslocamento e o consumo de combustível em cada carro.

2. Possibilita o rastreamento em tempo real

O rastreamento da frota constitui uma parte importante das atividades de monitoramento. Por meio desse controle, o gestor tem condições de localizar os veículos e os respectivos motoristas em tempo real. Além disso, é possível obter estimativas precisas sobre o horário de chegada em cada cliente e a conclusão da rota programada.

Leia também:
5 curiosidades sobre o freio motor que você precisa conhecer

Atualmente, as seguradoras recomendam que a apólice de seguro seja complementada com a implantação de rastreadores nos veículos e podem oferecer descontos e preços mais competitivos em função disso.

3. Fornece assistência em caso de emergências

O roubo de veículos e cargas nas estradas brasileiras é uma realidade que deve ser levada em consideração ao planejar as rotas dos motoristas. Em primeiro lugar, é fundamental evitar os locais que apresentam alta incidência de criminalidade. Contudo, essa alternativa nem sempre está disponível.

Assim, o recurso de assistência em caso de emergências torna o trajeto mais seguro para o condutor. A empresa que realiza o monitoramento emite alertas caso seja identificada uma situação de perigo. A sua ação rápida notifica as autoridades responsáveis e aumenta as chances de recuperação do patrimônio.

4. Reduz o número de acidentes

Prevenir riscos envolve o desenvolvimento de uma cultura organizacional que valoriza a segurança tanto do patrimônio como dos condutores.

Por meio dos recursos de monitoramento, é possível programar manutenções em caráter preventivo com o intuito de identificar defeitos antes que a situação se agrave. Como resultado, a vida útil do veículo é prolongada, reduz a necessidade de substituição da frota e contribui para a prevenção de acidentes decorrentes de falhas mecânicas.

5. Permite o gerenciamento da jornada de trabalho

Um dos fatores mais complexos para o gestor é realizar o gerenciamento da jornada de trabalho e evitar a ocorrência de horas extras. Isso ocorre pois o descolamento dos profissionais pode ser afetado pelo volume de tráfego em sua rota, responsável por causar atrasos na operação e prolongar o tempo necessário para a execução das atividades.

Com esse tipo de controle, é possível calcular com precisão as horas trabalhadas e qual é o pagamento devido a cada empregado com base nos registros do sistema.

6. Oferece acessibilidade

As ferramentas mais modernas funcionam em plataformas online que podem ser acessadas por meio de computadores e dispositivos móveis, como tablets e celulares. Essa função garante mobilidade e praticidade ao gestor, que pode consultar as informações da frota em qualquer lugar que tenha acesso à internet.

Os sistemas também registram o histórico dos trajetos percorridos, mantendo um banco de dados com informações relevantes que ajudam o gestor a controlar a frota e podem ser consultadas posteriormente.

7. Realiza o controle dos custos

Um dos meios de tornar a operação mais econômica é controlar os gastos e identificar oportunidades de melhoria. Desse modo, os sistemas podem ajudar com o registro das diversas contas de custo por viagem, por quilômetro rodado e com a folha de pagamento.

Os gastos com combustível, multas e reparos também devem ser incluídos na apuração contábil para obter resultados mais consistentes. Com todos os dados em mãos, o gestor tem condições de formular uma política de frota focada no aumento da produtividade e na melhoria da saúde financeira.

Você também pode se interessar por:
Controle de pneus: entenda o índice treadwear

É preciso destacar como a tecnologia de informação está presente em organizações de todos os portes e segmentos. Seu objetivo é integrar atividades e departamentos em uma única plataforma que permite automatizar e gerenciar a operação.

Por isso, é fundamental inovar no que se refere ao processo de monitorar o motorista da frota e o desempenho de suas funções. Com isso, os diagnósticos realizados podem ser utilizados para prevenir problemas e minimizar riscos.

Acesse nosso site, descubra nossas soluções personalizadas e como a gente pode te ajudar!

Rastreamento de Frota

Escreva um Comentário