Você pretende usar o conteúdo abaixo para
Agradecemos sua resposta!

Tempo de leitura: 2 minutos

Como o rodízio restrito instituído na última semana na cidade de São Paulo não surtiu o efeito desejado, a Prefeitura suspendeu a nova medida.

Portanto, as regras tradicionais para a circulação de veículos na capital voltaram a vigorar nesta segunda-feira (18).

A restrição passa a valer novamente de acordo com o número final da placa do veículo e o dia da semana, valendo apenas para o centro expandido:

  • Placas com final 1 e 2: não circulam às segunda-feiras
  • Placas com final 3 e 4: não circulam às terças-feiras
  • Placas com final 5 e 6: não circulam às quartas-feiras
  • Placas com final 7 e 8: não circulam às quintas-feiras
  • Placas com final 9 e 0: não circulam às sextas-feiras

Como era instituído anteriormente, o rodízio vai das 7h às 10h da manhã e retorna das 17h às 20h, exceto aos finais de semana e feriados.

Leia também:
Gestão de multas em frotas: aprenda como fazer na prática

Rodízio restrito não funcionou

Segundo o prefeito Bruno Covas, a decisão de suspender o rodízio mais restrito na cidade se deu pela ineficácia da medida.

Na sexta-feira e no domingo, a cidade registrou 48% de taxa de isolamento. Na semana anteior, no dia 8, o índice foi de 46%. Apenas 2% de diferença.

O prefeito fez um apelo para que, apesar da suspensão da medida, a população fique em casa. “Isso não pode ser desculpa para as pessoas se sentirem à vontade para retomar a circulação pela cidade”, disse.

Este conteúdo te ajudou? Fique de olho no blog da Cobli com mais atualizações sobre o coronavírus e seus impactos na logística. Nossa página especial para gestão durante a crise também tem conteúdos importantes para você. Conheça!

Monitoramento de frota - Coronavírus: Rodízio de São Paulo volta ao normal
Fale com nossos especialistas!

Estamos disponíveis para tirar dúvidas e demostrar o sistema de rastreamento e monitoramento de frotas da Cobli em ação.

Teste grátis

Escreva um Comentário