Você pretende usar o conteúdo abaixo para
Agradecemos sua resposta!

Tempo de leitura: 7 minutos

Sabe quando aquele pneu que já estava careca há um tempo resolve furar e você não tem dinheiro para comprar um novo? Nessa situação, talvez um amigo lhe recomende comprar um pneu remold, cujo preço é a metade do de um pneu novinho em folha. Mas será que o pneu remold é seguro?

O pneu remold (também chamado de pneu remoldado ou remodelado) é diferente do pneu meia vida. Você sabe a diferença entre eles?

Não sabe? Não se preocupe. Nós vamos explicar!

Neste texto, você vai aprender o que é um pneu remold e qual a diferença entre um pneu remold e um pneu meia vida – e se os tais pneus remold são realmente seguros.

Siga a leitura e confira!

O que é um pneu remold?

Pneu remold é uma opção para quem está sem dinheiro e não pode investir em um pneu novo.

Os pneus remold são remoldados ou remodelados, isto é, aquele fabricado a partir de pneus usados.

Um pneu remold conserva carcaça do pneu que lhe deu origem, mas boa parte dele é refeita, como a parte lateral, o ombro (o que dá estabilidade ao pneu nas curvas) e a banda de rodagem (parte do pneu que em contato direto com o asfalto).

É claro que não é qualquer pneu usado que serve para ser remodelado.

As carcaças dos pneus usados devem ser devidamente inspecionadas por profissionais que vão fazem um inventário completo do que precisa ser reparado, para que a remodelagem seja bem sucedida.

Os pneus aprovados primeiro têm o talão (fios de aço encapados com cobre que garantem a fixação do pneu na roda) e a banda de rodagem raspados de modo a deixá-los sem rebarbas.

Depois, a câmara de ar é testada e o pneu é levado a uma máquina que faz a aplicação de uma nova camada de borracha.

Para finalizar, o “novo” pneu passa por uma prensa vulcânica.

Atenção: não confunda pneu remold com pneu recauchutado ou pneu recapado.

Os pneus recauchutados ou recapados têm apenas uma ou duas partes refeitas, enquanto os pneus remold, como vimos, têm praticamente toda a sua estrutura refeita (lateral, ombro e banda de rodagem).

Qual a diferença entre pneu remold e pneu meia vida?

Se você está à procura de um pneu barato, pode topar por aí com um pneu meia vida, que é diferente de um pneu remold.

Pneus meia vida são ainda mais baratos do que os pneus remold.

Mas qual a diferença entre eles?

Enquanto os pneus remold são praticamente refeitos, os pneus meia vida não são.

Um pneu meia vida é um pneu usado que ainda tem alguma vida útil pela frente (a vida útil dos pneus de carros comerciais varia entre cinco e 10 anos).

Boa parte dos pneus meia vida vêm do exterior, dos Estados Unidos ou de países europeus, onde foram usados até mais ou menos a metade de sua vida útil e, depois, descartados para o Brasil, onde são vendidos a preços baixos.

O fato de serem “importados” não quer dizer, necessariamente, que são pneus de qualidade superior aos fabricados no Brasil, mas, sim, que têm características diferentes e são adaptados à amplitude térmica do hemisfério do Norte, que pedem, por exemplo, pneus capazes de trafegar na neve.

Qual devo escolher: remold ou meia vida?

Se você não pode comprar um pneu novinho em folha e precisa escolher entre um remold e um meia vida, dê preferência ao remold.

Apesar de não ser novo, um pneu remold é aquele que foi completamente reformado e teve várias de suas partes refeitas, o tornando mais seguro – e também mais caro – do que um pneu meia vida.

Seja qual for a sua escolha, tente não rodar por aí com pneus muito diferentes (um novo, um já meio gasto, um meia vida e um remold, por exemplo).

A uniformidade dos pneus é importante para garantir estabilidade e segurança na direção– é para manter essa uniformidade, aliás, que o rodízio de pneus é recomendado.

Importante: não compre nada que não tenha o “Selo de Identificação de Conformidade” do Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia), que garante a origem dos pneus e que eles foram corretamente testados.

No “Selo de Identificação de Conformidade” devem constar informações sobre o tipo de reforma pela qual o pneu passou (remodelagem, recapeamento ou recauchutagem), a data em que ela ocorreu e o número de reparos pelos quais o pneu já passou.

O Inmetro permite que pneus radiais limitados a velocidades de até 190 km/h sejam reformados até duas vezes. Já os pneus capazes de rodar acima de 190km/h só podem ser reformados uma única vez.

No “Selo de Identificação e Conformidade” também devem constar recomendações para o uso do pneu, como a indicação de um limite de velocidade.

pneu remold é seguro, mas tem duração menor do que pneus novos

Quanto tempo dura um remold?

Em média, os pneus remold têm duração entre 30% a 50% menor do que pneus novos – essa informação deve ser levada em consideração na hora de escolher comprar ou avaliar o quanto um pneu remold é seguro.

Pneu remold para moto é permitido?

O uso de pneus remold é permitido apenas para veículos leves (comerciais e de passeio) e proibido para veículos agrícolas, militares, de competição, motocicletas, motonetas, ciclomotores, bicicletas e similares – fonte: Inmetro.

Pneu remold é seguro de verdade?

A principal vantagem dos pneus remold é o preço.

Apesar das reformas pelas quais passam, os pneus remold não têm a mesma qualidade – não oferecem a mesma segurança – do que pneus novos.

Além disso, os pneus remold não são recomendados para rodar em estradas. Então, se você está planejando uma viagem, melhor não contar com pneus remold.

O desempenho dos pneus remold também é inferior ao de pneus novos. Por isso,  é recomendado que eles rodem apenas dentro das cidades  e com velocidades inferiores a 80 km/h.

Pneus remold são mais difíceis de serem balanceados do que pneus novos, o que pode prejudicar a dirigibilidade. 

A revista Quatro Rodas testou 4 marcas de pneus remold e concluiu que, embora os níveis de ruído e consumo tenham sido parecidos com os de pneus novos, os remodelados “mostraram ter limites de velocidade para aquaplanagem mais baixos, além de menor aderência lateral”.

Em pista seca, os resultados das frenagens foram parecidos. Já em pistas molhadas, a 80 km/h, a diferença entre um pneu remold e um pneu novo chegou a 7,5 metros. 

Se você dirige pouco, só no perímetro urbano e sempre em velocidade baixa ou moderada, talvez a compra de um pneu remodelado compense.

Agora, se você viaja muito com o seu carro, é melhor economizar e investir em um pneu novo. Entendeu tudo?

Não se esqueça de levar em conta seus hábitos de direção quando cogitar comprar um pneu remold, combinado?

Gostou do conteúdo? Compartilhe com alguém e acompanhe outras novidades em nosso blog

Manutenção de frota - Pneu remold é seguro? Como escolher o melhor para minha frota
Melhore a gestão da sua frota com a Cobli

   Clique aqui para tirar suas dúvidas ou solicitar um teste grátis do nosso sistema de rastreamento e monitoramento de frotas.

Escreva um Comentário