A previsão de demanda contribui para a tomada de decisão sobre necessidades futuras de produtos e serviços, influenciando todos os setores de uma empresa.

Entenda o que é previsão de demanda e conheça todos os seus benefícios

Ao falarmos sobre planejamento organizacional, a previsão de demanda tem um papel de destaque dentro da empresa e se torna uma das tarefas mais importantes a ser realizada pelas equipes. 

A previsão de demanda é uma projeção do que pode acontecer com a venda de produtos ou serviços de uma companhia, baseando-se em análises de desempenho passado de diversas áreas e também do mercado. 

O principal objetivo dessa atividade é dar um panorama sobre as necessidades futuras de produção de itens ou oferta de serviços e, assim, conseguir adequar o estoque disponível de maneira equilibrada. 

Por isso, a previsão de demanda tem importância significativa para planejar os custos logísticos e otimizar a fabricação dos produtos sem que haja desperdícios. 

Quer entender mais sobre como funciona a previsão de demanda? Neste texto, você vai conhecer todas as características deste processo e seus impactos na gestão de uma empresa. Confira!

O que é previsão de demanda?

A previsão de demanda é um método que une o passado e o futuro da organização, sob o olhar analítico de dados. 

Isso acontece porque é realizada uma análise do histórico de produção e vendas de produtos para que seja feita uma projeção futura sobre as necessidades da empresa. 

Para que esta previsão seja feita de maneira adequada, leva-se em consideração o histórico de diversas áreas, como a comercial, de marketing, financeiro, logística, além de análises econômicas e de comportamento do mercado. 

Com isso, o cálculo de como será a produção do próximo ano, por exemplo, leva sempre em consideração como foi o desempenho de vendas dos produtos ao longo do ano anterior. 

É uma estimativa que não é 100% precisa, mas que consegue trazer um bom panorama de como os consumidores podem buscar determinados itens no mercado. 

Dessa maneira, percebe-se que previsão de demandas e gestão de estoques caminham lado a lado para que a linha de produção de uma empresa seja a mais assertiva possível. 

Além disso, a tomada de decisão dos gestores de uma empresa que se baseia em previsão de demanda fica respaldada e melhor consolidada com este processo. 

O que é previsão de demanda na logística?

A previsão de demanda na logística é feita também a partir da análise de dados históricos de uma empresa, e, neste caso, é encabeçada pelos responsáveis pelas áreas de vendas e gestão de estoque

Estas projeções permitem entender como o consumidor deve se comportar em um espaço de tempo, que pode ser de curto, médio ou longo prazo, dependendo do tamanho e objetivo da companhia. 

Assim, a fabricação de um ou mais produtos acontece de modo a atender essa demanda sem que haja desperdícios. 

A importância da previsão de demanda na logística se dá por diversos fatores, mas especialmente pode ser notado pelo aumento na eficiência produtiva, redução de gastos, maior produtividade e até mesmo em um melhor planejamento de distribuição. 

Quando se trata de gestão logística, a demanda de previsão é um ponto decisivo para potencializar o viés estratégico de uma organização e contribuir para sua saúde financeira.

A gestão de demanda impacta de forma relevante a gestão de uma empresa e sua logística, por isso é preciso discutir essas questões com pessoas-chave dos times de venda, marketing e operações.

Como é feita a previsão de demanda?

Para entender como fazer previsão de demanda, é necessário levar em consideração duas metodologias bastante conhecidas neste processo: qualitativa e quantitativa. 

Outro fator relevante é que o planejamento de estoque e distribuição a partir da previsão de demanda deve envolver gestores das mais importantes áreas da empresa, que levantarão dados específicos de seus setores para que as estimativas sejam feitas.

Há ainda o horizonte temporal, que é o período para o qual as projeções serão feitas. Ele pode ser de semanas, meses ou anos. Tudo vai depender do objetivo da organização. 

Confira abaixo mais detalhes sobre dois modelos existentes:

Abordagem qualitativa

A previsão de demanda qualitativa vai além da análise dos dados e informações vindas de períodos anteriores. Nesta abordagem, o comportamento do mercado consumidor é extremamente relevante. 

E nesse sentido, a experiência e intuição do gestor e sua equipe são fundamentais para construir uma projeção eficiente.  

Por exemplo, quem atua no setor de vendas certamente pode contribuir bastante com as estimativas, afinal, são estes profissionais que lidam diretamente com os consumidores e, por isso, podem ter bons insights em relação aos seus desejos de compra. 

Abordagem quantitativa

Já na previsão de demanda quantitativa, os números imperam. É realizada a análise de vendas de períodos posteriores e nesta equação, as variáveis podem ser diversas. 

É possível estabelecer um horizonte temporal para realizar a estimativa para os períodos seguintes. Neste caso, deve-se levar também em conta a sazonalidade do produto ou serviço, caso exista, para que a projeção seja feita com maior eficácia. 

Quem faz a previsão de demanda?

Geralmente, quem faz a previsão de demanda, principalmente em grandes companhias, são os responsáveis pelas áreas de produção, vendas, marketing e finanças. 

Caso se trate de micro e pequenas empresas, os próprios donos são capazes de realizar esta estimativa, afinal, lidam diretamente com todas as etapas do processo de produção e venda de seus itens ou serviços. 

Mas independente do tamanho da organização, a importância da previsão de demanda é indiscutível e realizá-la realmente vai ajudar a direcionar as ações da empresa no futuro, seja ele de curto, médio ou longo prazo. 

Quais as vantagens da previsão de demanda?

Como você já pode imaginar, as vantagens da previsão de demanda são inúmeras para as empresas. E abaixo, vamos listar alguns dos pontos que mais se destacam quando este recurso é utilizado. 

  • Melhora o planejamento financeiro da companhia;
  • Influencia positivamente na redução de custos de produção e operação;
  • Contribui para que as ações de marketing sejam planejadas com mais assertividade; 
  • Aumenta a eficiência na gestão e armazenamento de estoque;
  • Ajuda a controlar com maior eficiência a gestão de recursos;
  • Melhora o planejamento e relacionamento com fornecedores da cadeia de suprimentos;
  • Impacta de forma positiva na gestão da equipe, diminuindo sua ociosidade;
  • Otimiza e promove melhores tomadas de decisão por parte de todos os gestores. 

E agora que você já sabe tudo sobre previsão de demanda, você pode acompanhar mais temas que podem te ajudar a otimizar a logística e gestão de sua empresa. Confira nosso blog.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *