gestao-de-logistica

Inovação na gestão logística: como se diferenciar da concorrência

A competitividade no mercado de frotas está crescendo. E é por este motivo que a busca por inovação virou um grande desafio. Mas a verdade é que inovar não precisa ser algo difícil. Você pode começar até nas práticas comuns da rotina, como inovar na sua gestão logística.

A gestão logística para uma empresa de frotas é tão essencial para a operação quanto os próprios veículos. Afinal, é o que envolve todo o processo de compra, produção, transporte, armazenamento e entrega do produto.

O objetivo da gestão logística é simples: garantir que todas as áreas funcionem para que a empresa realize o seu serviço com maior produtividade, segurança e otimização de custos.

De forma simples, é fazer melhor gastando menos.

Apesar de a premissa ser simples, isso não torna o processo menos desafiador. A logística impacta (e muito) a receita líquida da empresa, chegando a 11,7%, segundo levantamento da Confederação Nacional do Transporte.

Felizmente, hoje é possível ter uma logística que vai muito além de processos padronizados de um setor logístico. Neste artigo, separamos ferramentas e dicas que vão tornar sua gestão mais inovadora e eficiente.

A gestão logística da sua empresa precisa melhorar?

Embora essa seja uma pergunta quase retórica, muitas vezes esquecemos de nos perguntar.

Sempre existe algo no processo que pode ser melhorado. Mas para saber onde as melhorias podem ser aplicadas é preciso parar, refletir e analisar.

A gestão logística é aplicada em diferentes processos do setor, como armazenamento, controle de pedidos, embalagem, estoque, cadeira de suprimentos, manutenção, entrega e a própria gestão de frota.

Avalie cada segmento para identificar possíveis travas e pontos de melhorias. Isso vai ajudar no momento de priorizar o que é mais urgente e precisa ser ajustado em primeiro lugar.

É importante também ter uma visão clara de todos colaboradores envolvidos no processo e quais responsabilidades e atribuições de cada um.

Lembre-se que eles também são essenciais para identificar as etapas de todos os processos e para atuar na otimização da operação.

Caso você tenha dificuldade de visualizar como seu time está organizado e dividido, recomendamos que utilize o modelo de organograma gratuito da Cobli para ajudar a definir com clareza os papéis de cada colaborador.

Com isso definido, você e sua equipe devem utilizar indicadores específicos para avaliar o desempenho da atual gestão.

Principais indicadores aplicados na gestão logística

Os indicadores são utilizados para medir a efetividade do processo logístico de uma empresa. Existem os indicadores padrões, mas é possível criar versões mais específicas. Tudo depende do que se pretende observar dos dados coletados.

Separamos os indicadores mais utilizados para analisar a gestão logística:

  • Tempo de entrega;
  • Número de entregas;
  • Custos logísticos;
  • Qualidade do produto;
  • Taxa de extravio;
  • Índice de ocorrências;
  • Avarias no transporte;
  • Nível Médio de estoque;
  • Satisfação do cliente.

Os indicadores devem sempre ter um valor de referência. Por exemplo, para avaliar se o tempo de entrega está adequado, estime qual seria a meta ideal para esse indicador.

Se indicador está próximo à sua meta, significa que o processo está bem caminhado. Esse é o melhor cenário, pois a atuação será em busca de superar a meta.

Mas, se o indicador estiver distante do estimado, é sinal de que é preciso rever bem todo o processo e identificar as causas para corrigir.

O cenário mais grave, no entanto, é quando a gestão logística não consegue identificar os valores dos indicadores. Isso significa que a gestão está comprometida por falta de visibilidade do processo.

A logística precisa ser apurada e monitorada em todas suas áreas. Detalhes que passam despercebidos podem causar impacto na entrega final. Sem identificar a causa, não conseguimos encontrar solução. Uma boa saída para isso é contar com a automação dos processos.

 gestao-de-logistica
Inovação é diferencial para a logística de frotas.

Como inovar a sua gestão logística com processos automatizados

Inovação e tecnologia andam juntas na logística de empresas de frotas.

As ferramentas tecnológicas fazem com que os processos logísticos atinjam três objetivos essenciais para quem quer se diferenciar no mercado: mais produtividade, menos custos e total visibilidade.

Confira como automatizar processos na gestão logística:

Tenha as informações integradas

A organização é um dos pilares mais importantes de um bom planejamento logístico. As informações precisam estar visíveis em tempo real na rotina comum de uma gestão de frotas.

Para isso, ter uma plataforma que integre todos os dados e facilite o acompanhamento do que está acontecendo é essencial para garantir que o processo esteja rodando de forma adequada.

É preciso saber quais veículos estão em rota, as rotas que utilizam, tempo de trajetos, controle do combustível, armazenamento de estoque, quais veículos precisam de manutenção.

Informações como essas não podem ficar descentralizadas, tampouco depender de atualização manual. A gestão logística precisa ter visualização macro do processo.

Para atender essa demanda, a tecnologia de um sistema especializado para gestão de frotas é a melhor opção para isso. Em um só lugar, todos os dados estão integrados e disponíveis para acompanhar, registrar e até gerar relatórios.

A solução integrada atualiza os dados automaticamente e o gestor pode acessá-los a qualquer hora e em lugar.

Essa tecnologia facilita até mesmo no acompanhamento dos indicadores, uma vez que a solução apresenta os dados completos e já faz análises automáticas em gráficos comparativos.

Isso significa que a gestão poderá identificar com muito mais facilidade o que está funcionando bem e o que precisa de atenção.

Utilize uma solução integrada para otimizar custos

Controlar os custos de toda operação logística também pode virar uma dor de cabeça se você ainda utiliza planilhas de controle de gastos.

Porque, além do trabalho operacional tomar muito tempo, as informações não são atualizadas em tempo real e ainda correm o risco de dados imprecisos.

Afinal, como identificar um eventual aumento de custos se você não tem os dados para isso?

Da mesma maneira que a solução permite o acompanhamento de toda a frota, a plataforma possui uma automação que calcula de forma automática gastos estimados por cada rota e veículo cadastrado.

Isso significa que é possível já ter a previsão do gasto com combustível de todas as rotas planejadas. E se a prioridade da sua empresa é reduzir custos, isso também pode ser feito com facilidade.

A telemetria veicular permite acompanhar toda a rota e apresenta fatores que podem impactar nos custos. A ferramenta de roteirização, por exemplo, ajuda a diminuir distâncias percorridas em até 30% ao identificar os trajetos mais adequados.

A solução ainda dá autonomia para que você escolha o objetivo daquela rota: reduzir distâncias (para economizar) ou trajetos mais rápidos.

Isso significa que você tem total controle da operação, consegue ter previsibilidade de gastos e monitorar tudo em tempo real.

Automatize o controle de manutenções veiculares

A logística também é responsável por administrar as manutenções dos veículos da frota. Para isso, o gestor precisa saber quais veículos precisam de supervisão, qual manutenção deve ser realizada e quando.

O sistema de controle de manutenção faz todo esse controle de forma automática, pois já integra informações como odômetro dos veículos e calcula as datas previstas para manutenções.

Os lembretes são automáticos para garantir que os prazos sejam cumpridos. E ainda permite cadastro de revisões e vistorias para que a gestão mantenha o funcionamento da frota em dia.

Vale lembrar que todas as informações de manutenções ficam registradas e podem ser acessadas sempre que necessário.

O controle de manutenção automatizado ajuda tanto na operação, quanto na redução de custos. Afinal, se os veículos estão com manutenção em dia, significa que sua frota corre menos riscos de problemas mais sérios.

gestao-de-logistica
Ter clareza da organização e responsabilidades do time de logística ajuda a identificar as melhorias da gestão.

Tenha mais inovação na sua gestão logística com a Cobli

Todas as soluções integradas apresentadas são alguns recursos que o sistema de gestão de frotas da Cobli possui.

O software facilita a rotina ao integrar e automatizar processos e monitorar a operação com facilidade para que o gestor consiga otimizar seus resultados.

A gestão logística pode ser inovadora ao utilizar as ferramentas certas no dia a dia. A Cobli possui ferramentas especializadas para frotas, com informações atualizadas a cada 5 segundos.

A logística de uma frota cuida de muitas frentes, mas isso não significa que precisa ser complicado. Com integração, tecnologia e automação, a sua empresa consegue sair na frente do mercado ao apostar na inovação de processos para otimizar a entrega de bons resultados.

Esta publicação te ajudou? Confira essa e outras explicações sobre questões de logística e gestão de frota no blog da Cobli.

Fale com nossos especialistas!

Estamos disponíveis para tirar dúvidas e demonstrar o sistema de rastreamento e monitoramento de frotas da Cobli em ação.

Teste grátis

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.