Engenheiros inspecionando os painéis de distribuição de energia de uma fábrica.

Sistema de recuperação de energia: como funciona e benefícios

A crescente preocupação com a eficiência energética e a busca por práticas sustentáveis têm impulsionado o desenvolvimento e implementação de sistemas de recuperação de energia em diversos setores.

Estes sistemas, compostos por uma variedade de tecnologias e dispositivos inovadores, têm a missão de capturar, armazenar e utilizar a energia que, de outra forma, seria dissipada como desperdício em processos industriais, veículos ou sistemas.

Este texto explora, em detalhes, a funcionalidade e os benefícios associados a diversas formas de recuperação de energia, fornecendo uma visão abrangente sobre como esses sistemas desempenham um papel crucial na transição para uma matriz energética mais eficiente e sustentável.

Continue a leitura para saber mais!

O que é um sistema de recuperação de energia?

Um sistema de recuperação de energia é um conjunto de tecnologias e dispositivos projetados para capturar, armazenar e utilizar a energia que normalmente seria dissipada como desperdício em vários processos industriais, veículos ou sistemas.

O objetivo é melhorar a eficiência energética, reduzir o consumo de recursos e minimizar o impacto ambiental.

Tipos de sistema de recuperação de energia

A implementação de sistemas de recuperação de energia contribui para a sustentabilidade ambiental e econômica, ajudando a reduzir as emissões de carbono e a dependência de recursos não renováveis. 

Existem diferentes tipos de sistemas de recuperação de energia, dependendo da aplicação específica. Confira:

Veículos

Em veículos, como carros híbridos e elétricos, sistemas de freios regenerativos capturam a energia cinética gerada durante a frenagem e a convertem em eletricidade, que é então armazenada em baterias para uso posterior.

Processos industriais

Em processos industriais, é comum que uma quantidade significativa de calor seja gerada como subproduto. Sistemas de recuperação de calor capturam esse calor residual e o utilizam para gerar vapor, eletricidade ou aquecer outros fluidos, contribuindo para a eficiência global do processo.

Sistemas de refrigeração

Em sistemas de refrigeração, a recuperação de energia pode envolver a utilização do calor retirado de um ambiente para aquecer outro espaço ou para outras aplicações, melhorando assim a eficiência do sistema.

Data centers

Data centers, que consomem grandes quantidades de energia, podem implementar sistemas de recuperação de energia para aproveitar o calor gerado pelos servidores para aquecer edifícios ou gerar eletricidade adicional.

Sistemas de água e esgoto

Sistemas de recuperação de energia em estações de tratamento de água e esgoto podem capturar a energia contida nas correntes de água ou nos resíduos para gerar eletricidade.

Engenheira e desenvolvedora liderando um processo de inovação de geradores elétricos.
A recuperação de energia impulsiona a pesquisa e desenvolvimento de tecnologias mais eficientes e sustentáveis

Benefícios da recuperação de energia

A recuperação de energia oferece uma série de benefícios em diferentes setores, contribuindo para a eficiência energética, a redução de desperdício e os esforços para mitigar os impactos ambientais. Aqui estão alguns dos principais benefícios associados à recuperação de energia:

Eficiência energética aprimorada

A recuperação de energia permite aproveitar fontes de energia que, de outra forma, seriam perdidas como calor residual ou energia cinética não utilizada. Isso resulta em um aumento geral na eficiência energética dos processos, sistemas e dispositivos.

Redução de custos operacionais

Ao aproveitar a energia que normalmente seria desperdiçada, as empresas podem reduzir os custos operacionais associados à compra de energia adicional. Isso é particularmente relevante em setores industriais, onde processos intensivos em energia são comuns.

Menor impacto ambiental

A recuperação de energia contribui para a redução das emissões de gases de efeito estufa e outros poluentes ao minimizar a necessidade de recursos adicionais para gerar energia. Isso ajuda a mitigar o impacto ambiental associado à produção de energia.

Sustentabilidade

A implementação de sistemas de recuperação de energia está alinhada com princípios de su

stentabilidade, pois reduz a demanda por recursos naturais não renováveis e promove práticas mais responsáveis em relação ao meio ambiente.

Promoção de energias renováveis

Em alguns casos, a recuperação de energia pode ser integrada as fontes de energia renovável, como solar, eólica ou hidrelétrica, complementando essas fontes e fornecendo uma solução mais estável e consistente.

Melhoria da autossuficiência energética

Ao aproveitar a energia interna gerada em processos industriais e logísticos, edifícios ou veículos, as organizações podem aumentar sua autossuficiência energética, reduzindo a dependência de fontes externas e vulnerabilidades associadas a flutuações nos preços ou na disponibilidade de energia.

Estímulo à inovação tecnológica

O desenvolvimento e a implementação de tecnologias de recuperação de energia impulsionam a inovação tecnológica em diversos setores, incentivando a pesquisa e o desenvolvimento de soluções mais eficientes e sustentáveis.

Tipos de sistemas de recuperação de energia

As tecnologias e métodos utilizados na recuperação de energia são diversos e podem ser classificados conforme a fonte de energia a ser recuperada, a forma de recuperação e o tipo de energia produzida.

Fonte de energia

  • Recuperação de energia térmica: é a recuperação de energia a partir de calor residual ou de processos industriais;
  • Recuperação de energia cinética: é a recuperação de energia a partir de movimento;
  • Recuperação de energia potencial: é a recuperação de energia a partir de altura ou pressão. 
Sala de bomba de calor.
A recuperação de energia é uma solução para o desperdício, transformando o recurso que antes era desperdiçado

Forma de recuperação

  • Recuperação de energia direta: é a recuperação de energia na mesma forma em que foi gerada. Por exemplo, a recuperação de energia térmica de um processo industrial pode ser realizada diretamente por meio de um gerador elétrico;
  • Recuperação de energia indireta: é a recuperação de energia em uma forma diferente daquela em que foi gerada. Por exemplo, a recuperação de energia cinética de um veículo pode ser realizada por meio de um gerador elétrico, produzindo energia elétrica.

Energia produzida

  • Recuperação de energia elétrica: é a recuperação de energia resultante na produção de energia elétrica. É o tipo de recuperação de energia mais comum;
  • Recuperação de energia térmica: é a recuperação de energia resultante na produção de energia térmica. Pode ser utilizada para aquecimento, resfriamento ou geração de energia elétrica;
  • Recuperação de energia mecânica: é a recuperação de energia resultante na produção de energia mecânica. Pode ser utilizada para mover máquinas ou equipamentos.

Quais as tecnologias e métodos utilizados na recuperação de energia?

A busca por fontes sustentáveis de energia impulsiona o desenvolvimento de diversas tecnologias e métodos inovadores. Confira abaixo, alguns exemplos de tecnologias e métodos utilizados nesse processo.

Recuperação de energia térmica

  • Turbinas a vapor: essas turbinas convertem a energia térmica proveniente de processos industriais ou sistemas de cogeração em energia mecânica, que pode ser posteriormente transformada em eletricidade;
  • Motores stirling: operando em ciclos termodinâmicos, esses motores convertem a variação de temperatura em trabalho mecânico, proporcionando uma alternativa eficiente para a recuperação de energia térmica;
  • Trocadores de calor: essenciais em processos de recuperação térmica, os trocadores de calor transferem energia térmica entre fluidos, possibilitando a captura de calor residual para posterior aproveitamento;
  • Bombas de Calor: além de serem conhecidas por suas aplicações em climatização, as bombas de calor podem ser utilizadas para extrair energia térmica do ambiente, promovendo a recuperação de calor.

Recuperação de energia cinética

  • Geradores elétricos: em sistemas que envolvem movimento, como veículos elétricos ou máquinas industriais, geradores elétricos convertem energia cinética em eletricidade durante desacelerações ou frenagens;
  • Volantes de inércia: utilizados como dispositivos de armazenamento de energia, os volantes de inércia absorvem energia cinética em momentos de excesso e a liberam quando necessário, contribuindo para a eficiência energética;
  • Frenagem regenerativa: presente em veículos elétricos, a frenagem regenerativa converte a energia cinética durante a desaceleração, devolvendo-a ao sistema elétrico para recarga de baterias.

Recuperação de energia potencial

  • Turbinas hidráulicas: aproveitando a energia potencial da água em corpos hídricos, as turbinas hidráulicas convertem a pressão da água em energia mecânica, que pode ser posteriormente convertida em eletricidade;
  • Bombas de calor: além da recuperação térmica, as bombas de calor também podem ser aplicadas na recuperação de energia potencial, especialmente em processos que envolvem a transferência de calor entre diferentes níveis altimétricos.

Esta publicação te ajudou? Confira essa e outras explicações sobre questões de logística e gestão de frota no blog da Cobli.

Sobre o autor

Fale com nossos especialistas!

Estamos disponíveis para tirar dúvidas e demonstrar o sistema de rastreamento e monitoramento de frotas da Cobli em ação.

Teste grátis

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *