Você pretende usar o conteúdo abaixo para
Agradecemos sua resposta!

Tempo de leitura: 7 minutos

Toda empresa deseja encontrar formas de reduzir o desperdício, afinal, para ter um negócio rentável é preciso usar os recursos de modo eficaz. O sistema just in time logística foi criado exatamente para esse fim, aumentando a produtividade e reduzindo custos.

Se interessou pelo assunto? Continue lendo e saiba mais sobre esse modelo de gestão que é usado pelas principais companhias do mundo e que também pode trazer grandes benefícios para o seu negócio!

O que é Just in Time na Logística?

Criado no Japão, na década de 50, o sistema just in time surgiu através da busca da Toyota por meios de otimizar a produção e reduzir o desperdício sem que a qualidade fosse prejudicada.

O estoque é uma parte das empresas que costuma gerar muitos custos, principalmente para uma montadora de carros, e o método foi desenvolvido exatamente pensando em reduzir essa despesa. 

Em português, seu nome significa “na hora certa”, o que já dá uma ideia a respeito do seu funcionamento, que consiste em produzir apenas quando existe a demanda, sem acumular mercadorias armazenadas.

A compra de insumos, a produção, o transporte, toda a logística segue a demanda gerada através dos pedidos feitos pelos clientes. Assim, os custos são otimizados e os desperdícios reduzidos significativamente.

Quais são as vantagens do sistema Just in Time Logística para empresas

Depois de entender o significado de just in time na logística, saiba quais são as suas principais vantagens:

Menos necessidade de espaço

Como a produção acontece de acordo com a demanda, os produtos não ficam muito tempo parados no estoque, deixando de ser necessário manter um grande local destinado a esse fim.

Com menos mercadorias para estocar, o espaço é otimizado. Como o tamanho é um fator que impacta o valor do aluguel de um galpão, entre outros custos, isso significa mais economia para o negócio. 

Redução de desperdícios

Com a fluidez do estoque, se evita que mercadorias sejam danificadas por conta do tempo de armazenamento.

Sem contar que o just in time na logística é uma filosofia que envolve a redução de desperdícios em toda a cadeia produtiva, economizando insumos sem deixar de prezar pela qualidade.

Investimentos otimizados

Com a produção acontecendo “na hora certa”, os investimentos em matéria-prima são otimizados, o que é muito interessante para pequenos empreendedores que não dispõem de muito capital.

Essa possibilidade, de solicitar insumos aos fornecedores de acordo com os pedidos recebidos, tendo a certeza do retorno sobre aquele investimento, ajuda a manter o fluxo de caixa equilibrado.

Flexibilidade para mudanças

É natural que, com o passar do tempo, uma empresa sinta a necessidade de alterar certos detalhes dos seus produtos, seja por conta de alguma falha ou por estratégia comercial.

Quando há um grande estoque, isso pode gerar uma série de transtornos e atrapalhar a implementação das melhorias.

Já com o sistema just in time, como não há estoque, fica mais simples realizar as mudanças que a gestão julgar pertinentes sem maiores complicações.

E as desvantagens do just in time na logística?

Apesar de ter vantagens bastante interessantes, o modelo de gestão just in time logística também tem algumas desvantagens. Entretanto, com planejamento e organização é possível minimizá-las. Veja quais são:

Risco de falta de matéria-prima

Como as compras de matéria-prima são feitas de acordo com a demanda, há o risco de, em algum momento, o fornecedor não ter os itens necessários.

Para driblar essa questão é preciso manter bons relacionamentos com os fornecedores, através da firmação de contratos de exclusividade, por exemplo.

Menor controle sobre prazos

Por conta da dependência dos fornecedores, pode ficar mais complicado controlar os prazos de entrega para os clientes.

Mais uma vez, os contratos com as empresas parceiras podem ser uma boa saída para evitar atrasos.

O volume de vendas precisa ser estável

Se o ritmo de vendas não for estável, existe o risco de a companhia enfrentar problemas em épocas de pico, tanto para dar conta do recado quanto para encontrar matéria-prima.

Essa é uma desvantagem que pode ser superada através da experiência dos gestores, pois, conhecendo o mercado e o comportamento do público, é possível se planejar e se preparar para épocas específicas.

Dicas para implantar o sistema Just in Time Logística na sua empresa

Caso tenha se interessado e deseje colocar o sistema just in time em prática na sua empresa, existem algumas dicas para desfrutar dos benefícios que o sistema oferece e minimizar eventuais problemas que ele possa trazer.

Se informe sobre o método

Além das informações compartilhadas neste texto, busque conhecer melhor o método, quanto mais conhecimento tiver, melhor será a implementação.

Com uma rápida busca é possível encontrar artigos sobre just in time logística PDF, livros, pesquisas acadêmicas, vídeos explicativos, estudos de caso e vários outros tipos de conteúdo relevantes sobre o assunto.

Repense toda a produção

Apesar de ser uma técnica considerada simples, é fato que o sistema just in time irá promover uma grande mudança na sua empresa. Por essa razão, é importante repensar toda a produção, considerando a redução de custos, mas, claro, sem comprometer a qualidade.

Uma ferramenta bastante utilizada por companhias adeptas do just in time logística é a kanban, que organiza o fluxo de produção através de cartões, que podem ser apresentados por meio de quadros, post its e softwares.

Mantenha uma boa relação com clientes e fornecedores

Lembra que uma das possíveis desvantagens do just in time era o risco de ficar sem matéria-prima para produção? Para evitar que isso aconteça, é fundamental que escolha muito bem quem serão seus fornecedores e parceiros nessa empreitada.

Estabeleçam as regras desse relacionamento, de forma que as transações sejam viáveis para ambos. Faça a sua parte, respeite os pontos definidos por vocês e contribua para uma relação colaborativa e harmoniosa.

Planeje a empresa com base em vendas concretas

Como a ideia central do just in time é que tudo aconteça no momento certo, sem manter grandes estoques, todo o planejamento da empresa deve ser feito considerando os pedidos recebidos.

É preciso evitar tomar decisões com base em projeções de vendas, porque segui-las envolve exatamente produzir sem ter certeza de quando aqueles itens serão escoados.

Invista em uma gestão de entregas eficaz

A gestão das entregas possui uma grande importância dentro do método, afinal, a ideia é exatamente que as mercadorias sejam produzidas e enviadas ao seu destino no menor espaço de tempo e com o menor custo possível, sem ficarem paradas no estoque.

Os transportes just in time logística devem ocorrer de forma organizada. Uma ótima maneira de conseguir isso é através da utilização de roteirizadores de frota, que definem os trajetos priorizando a rapidez e a economia de combustível.

Agora que entendeu melhor o que é just in time logística conceito e prática, pode refletir se é uma metodologia viável para aplicar no seu negócio.

Esta publicação te ajudou? Confira outros conteúdos como esse no nosso blog.

Fale com nossos especialistas!

Estamos disponíveis para tirar dúvidas e demostrar o sistema de rastreamento e monitoramento de frotas da Cobli em ação.

Teste grátis

Escreva um Comentário