gestor de frota analisando dados da telemetria avançada.

Telemetria avançada: entenda seu funcionamento na frota

A telemetria avançada é uma das soluções mais eficazes para otimizar as operações na gestão de frota, conquistar uma redução de custos e o aumento da eficiência — pilares considerados chaves.

Quem está no ramo de logística busca, constantemente, atualizações e novidades tecnológicas que facilitem o cotidiano.

E a telemetria avançada surge como a solução ideal para coletar e analisar dados que ajudem os gestores de frota nas tomadas de decisão.

Essa tecnologia conta com o uso de sensores e dispositivos de monitoramento para gerar informações valiosas sobre o comportamento dos veículos e dos motoristas, principalmente por meio da videotelemetria.

Segundo um estudo realizado pela McKinsey & Company, um automóvel pode gerar, a cada hora, cerca de 25 GB de informações, com dados sobre distância, consumo de combustível, velocidade média, entre outros.  Essas informações, durante um mês, conseguem preencher mais de 445 DVDs. 

As análises preditivas de dados para prever resultados futuros, inclusive, é uma das principais tendências na gestão de frotas para 2024.

Por isso que, ao combinar tecnologias de ponta com análises de dados em tempo real, é possível colher insights e ter uma gestão de frota mais precisa e proativa.

Neste artigo, mostraremos o que é a telemetria avançada, como ela funciona, o que pode ser mensurado por meio desse sistema e como escolher a melhor plataforma de telemetria avançada para a sua frota. 

O que é telemetria avançada?

Telemetria avançada é uma tecnologia que vai além do rastreamento de veículos. Ela proporciona uma análise mais abrangente e detalhada dos dados coletados dos veículos e dos motoristas

Diferentemente da telemetria tradicional, que tende a fornecer informações básicas como localização e velocidade, a telemetria avançada utiliza algoritmos sofisticados e integração com outras tecnologias, como inteligência artificial e machine learning, para oferecer dados profundos e personalizados. 

Rodrigo Mourad, presidente e cofundador da Cobli, explica o que é telemetria.

Com a telemetria avançada, as empresas conseguem ter informações, por exemplo, sobre como os veículos estão sendo conduzidos, como acelerações e frenagens bruscas, curvas perigosas e velocidades excedidas.

Já existem tecnologias, como a câmera de fadiga, que conseguem detectar sinais de fadiga e distração do motorista.

Todos esses insights ajudam os gestores de frotas a tomar decisões mais informadas e estratégicas, o que melhorará diretamente a eficiência operacional e reduzirá custos.

Como a telemetria avançada funciona?

A telemetria avançada funciona por meio de dispositivos instalados nos veículos, feitos para coletar uma vasta gama de dados. 

Para explicar a telemetria avançada de forma simples, podemos dizer que esses dispositivos captam informações como RPM, velocidade, localização, consumo de combustível, temperatura do motor, entre outros.

Todos os dados serão repassados, em tempo real, para uma central de processamento utilizando diversos meios de comunicação, como sinais de rádio, celular ou internet. 

No recebimento dos dados, eles são analisados e transformados em informações úteis para o gestor de frotas. 

Entre as principais funcionalidades da telemetria avançada, podemos listar:

Análise precisa

Os dados são processados e analisados com precisão, permitindo aos gestores reagir rapidamente a eventos e tomar decisões informadas.

Integração com outras tecnologias

Sistemas de telemetria avançada frequentemente se integram com tecnologias adicionais, como câmeras de fadiga, rastreamento e monitoramento, roteirização, sensores de segurança e plataformas de gestão de frotas.

Alertas e notificações

Por meio da telemetria avançada, os gestores podem configurar alertas personalizados para serem notificados sobre eventos específicos, que eles considerem importantes, como desvios de rota, frenagens bruscas ou necessidades de manutenção.

Armazenamento e relatórios

Todos os dados coletados são armazenados para análise posterior, permitindo a geração de relatórios detalhados e o acompanhamento de tendências ao longo do tempo.

Veículo de frota operando com telemetria avançada.
Com a telemetria avançada é possível analisar acelerações e frenagens bruscas, curvas perigosas e velocidades excedidas.

O que é possível mensurar com um sistema de telemetria avançada?

Os sistemas de telemetria avançada permitem mensurar diversos parâmetros fundamentais para a gestão de frotas.

Abaixo, colocamos os 04 mais importantes:

  • Desempenho do veículo: informações sobre velocidade do veículo, RPM, consumo de combustível, temperatura do motor, estado das peças e componentes;
  • Comportamento do motorista: dados sobre frenagens bruscas, acelerações repentinas, tempo de parada, padrões de direção também podem ser mensurados pela telemetria avançada;
  • Localização e logística: rastreamento em tempo real, monitoramento de rotas, tempos de deslocamento, paradas não planejadas, etc;
  • Condições de manutenção: alertas para manutenção preventiva, desgaste de componentes, necessidades de reparos são informações que podem ser geradas pela telemetria avançada.

Dentre essas observações e indicadores possíveis de serem medidos por um sistema de telemetria avançada, alguns profissionais e empresas, clientes da Cobli, já tiveram retornos extremamente positivos.

Felipe Orlando, Gestor de equipe técnica da HVAC Engenharia, afirmou que por meio do monitoramento, a empresa conseguiu abolir maus hábitos no uso dos veículos e, assim, reduzir em 50% os gastos com combustível.

Já Luiz Henrique, Diretor Executivo da Império, disse que a capacidade ociosa da empresa diminuiu e, atualmente, eles conseguem ser mais pontuais nos atendimentos, além das multas terem caído 50%.

Como escolher o melhor sistema de telemetria avançada para a sua frota?

Escolher o sistema de telemetria avançada ideal para a sua frota pode depender de vários fatores, incluindo o tipo de veículo gerenciado.

Além disso, considere necessidades específicas de monitoramento e orçamento para investir na telemetria. 

Confira os pontos de atenção que separamos:

Funcionalidades oferecidas

Verifique se o sistema de telemetria avançada fornece dados e insights necessários para a sua operação. A Cobli, uma Fleet Tech, além de toda tecnologia avançada, oferece muito mais funcionalidades, como: 

  • Bloqueador veicular;
  • Chaveiro de identificação dos motoristas;
  • Integração com cartão combustível.
Motorista de frota dirigindo cansado, com telemetria avançada captando o comportamento.
A telemetria avançada é capaz de monitorar o comportamento do motorista, como cansaço ou distração ao volante.

Integração com outras tecnologias

Certifique-se de que o sistema pode se integrar com outras ferramentas e sistemas que você já utiliza, como dispositivos de segurança e plataformas de gestão de frotas.

A Cobli pode oferecer diversas tecnologias para a sua frota, como câmera de fadiga, videotelemetria, rastreamento, monitoramento, roteirização, manutenções, telemetria e muito mais!

Custo-benefício

Avalie o investimento necessário e os benefícios que o sistema pode trazer em termos de economia e eficiência para a sua frota.

Facilidade de uso

Opte por um sistema que seja intuitivo e fácil de usar, tanto para os motoristas quanto para os gestores de frota.

Videotelemetria da Cobli: a telemetria avançada que sua frota precisa

A Cobli oferece uma solução de videotelemetria avançada que combina o melhor da telemetria com a captura de vídeo em tempo real.

Essa tecnologia monitora os dados tradicionais de telemetria e fornece uma visão do que está acontecendo com seus veículos e motoristas. 

Um exemplo desses benefícios pode ser visto pela Com 7 Emergências, cliente da Cobli.

Segundo Ricardo, um dos veículos da frota sofreu uma colisão e a câmera ajudou a empresa na verificação do ocorrido e, com isso, trazer mais segurança na tomada de decisão. 

É importante ressaltar a segurança que a videotelemetria traz para as operações. Segundo a Cobli, por meio desta tecnologia, há:

  • Aumento de 70% no uso do cinto de segurança;
  • 60% de redução no número de colisões;
  • 65% menos eventos de excesso de velocidade;
  • 80% de redução de distrações ao volante.
Banner de case de sucesso da Cobli com a Health Log.

Além desses pontos, com a videotelemetria da Cobli, as empresas podem:

  • Monitorar o comportamento dos motoristas: identificar práticas inseguras e promover uma condução mais segura e eficiente;
  • Analisar as condições das estradas: obter uma visão detalhada das condições enfrentadas pelos motoristas, permitindo intervenções mais rápidas;
  • Receber alertas em tempo real: ser notificado sobre situações críticas, como acidentes, desvios de rota ou situações de risco;
  • Emitir alertas na cabine:  a telemetria com vídeo ajuda a melhorar o modo de condução dos motoristas com alertas sonoros emitidos dentro da cabine;
  • Apurar sinistros e acidentes: como no exemplo da Com 7 Emergências, os vídeos registrados por essa telemetria avançada podem ser usados como evidências para discussões jurídicas ou oferecer direcionamento aos motoristas.

A videotelemetria da Cobli é uma ferramenta poderosa que pode funcionar como um copiloto automático, feito para identificar excesso de velocidade, distração ao volante, sinais de cansaço, uso de cigarro e direção perigosa. Tudo isso  por meio de Inteligência Artificial.

Não há dúvidas que com essa tecnologia, você transformará a gestão da sua frota e garantirá um desempenho superior em todas as frentes. 

Esta publicação te ajudou? Confira essa e outras explicações sobre questões de logística e gestão de frota no blog da Cobli!

Sobre o autor

Fale com nossos especialistas!

Estamos disponíveis para tirar dúvidas e demonstrar o sistema de rastreamento e monitoramento de frotas da Cobli em ação.

Teste grátis

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *