frota-de-caminhoes

Frota de caminhões: como fazer uma gestão estratégica?

Empresas que possuem frota de caminhões sabem que a gestão desses veículos traz diversos desafios. Contudo, é possível traçar estratégias que ajudam a administrar as operações de maneira inteligente e otimizada.

Implementar esse gerenciamento eficaz é essencial, tanto do ponto de vista de lucratividade da companhia quanto da manutenção do mercado logístico nacional.

Isso porque a importância da frota de caminhões para a economia brasileira é indiscutível. Aproximadamente 75% da produção nacional são transportados pelas rodovias, de acordo com a pesquisa dos Custos Logísticos no Brasil, da Fundação Dom Cabral.

Para quem tem planos de abrir uma empresa neste segmento ou quer saber tudo sobre como organizar uma frota de caminhões, acompanhe as informações a seguir e fique por dentro de dicas para este negócio.

O que é gestão de frota de caminhões

A gestão de frota engloba vários aspectos do dia a dia operacional de uma empresa, mas também é responsável por criar o plano estratégico e logístico da companhia.

Entre suas demandas estão a compra de veículos, a programação de manutenções, a criação de rotas inteligentes e mais econômicas, o monitoramento dos caminhões e a análise de dados de desempenho e produtividade.

Outro ponto importante para quem quer saber como fazer a gestão de frota de caminhões é considerar que é preciso ainda gerenciar os motoristas, considerando sua carga horária, folgas, rendimento, segurança e bem-estar.

Não é uma tarefa fácil, por isso, é comum que muitas empresas optem pela terceirização de frota de caminhões, isentando assim seus gestores de terem que lidar com todas essas demandas operacionais.

Os prós e contras cabem em ambos os cenários, por isso, a decisão de ter uma frota própria ou terceirizada deve ser estudada em todos os seus aspectos.

frota-de-caminhoes
Uma boa gestão de frota de caminhões deve englobar um plano de manutenção consistente e a previsão de renovação dos veículos.

Estratégias de gestão de frota de caminhões

O controle de frota de caminhões, quando eficiente, traz diversos benefícios para o negócio como um todo, impactando na rotina dos colaboradores, na redução dos custos e, claro, na lucratividade e resultados.

Confira algumas das estratégias e práticas que uma gestão assertiva pode trazer:

Planejamento de rotas e custos de viagem

Um dos pontos mais importantes do gerenciamento de frota é a criação de rotas inteligentes, que apresentam o melhor trajeto disponível e otimizam tempo e dinheiro.

Além disso, este planejamento ajuda no controle de viagem ao prever os custos de cada frete realizado, seja em relação ao consumo de combustível, alimentação, pedágios, etc.

Gestão dos motoristas

O dia a dia dos motoristas também está no escopo de trabalho do gestor da frota, desde o apoio na contratação dos profissionais até o planejamento de sua rotina, como escala de trabalho, destino das viagens, pausas para descanso, entre outros itens.

Uma dica importante é que se deve sempre considerar que a segurança e o conforto do colaborador são fundamentais para influenciar positivamente seu desempenho. Outro ponto essencial é investir em treinamento profissional para os condutores.

Manutenção de frota de caminhões

Algo que não pode faltar no planejamento de gestão da empresa logística é a manutenção dos caminhões. O desgaste natural do motor e das peças dos veículos precisa ser colocado em perspectiva para programar a manutenção preventiva da frota.

Esse tipo de iniciativa é determinante para reduzir custos, uma vez que é muito mais econômico fazer a troca dos equipamentos antecipadamente do que realizar consertos corretivos, que costumam ser mais caros e demandam mais tempo.

Monitoramento da frota

Para ter uma visão precisa de como anda o desempenho das operações, é fundamental investir no monitoramento da frota de caminhões.

Além de permitir que o gestor acompanhe em tempo real a localização e trajeto do veículo, esse recurso fornece uma análise apurada da produtividade do negócio.

É possível identificar com precisão o número de paradas, se houve desvios na rota, velocidade do caminhão, além de outros dados que ajudam a mensurar o andamento de cada viagem.

Tecnologia para a frota

O investimento em tecnologia traz diversos benefícios para qualquer negócio e o setor logístico tem à disposição alguns recursos que ajudam na gestão dos processos operacionais de diversas maneiras.

Um bom exemplo disso é o uso da videotelemetria ou câmeras de segurança veicular. A ferramenta é de fácil instalação e possibilita que o gestor acompanhe imagens internas e externas do caminhão.

Assim é possível identificar causas de acidentes, roubos, sinais de distração e até mesmo uma má conduta, como direção perigosa. Com esse respaldo, a empresa consegue tomar decisões e orientar seus funcionários, de modo a aumentar sua segurança e conforto.

Como fazer a manutenção de frota de caminhões?

Chegou a hora de explorar com mais detalhes como deve ser programada a manutenção da frota. Para isso, vale a pena relembrar quais são os tipos de manutenções:

  • Manutenção preventiva: é realizada periodicamente para a troca de peças e equipamentos do caminhão. Como o nome já revela, tem a função de prevenir quebras ou falhas que podem prejudicar o funcionamento do veículo.
  • Manutenção preditiva: faz uma mensuração do desgaste do automóvel, fornecendo previsão de quando as peças devem ser substituídas e ajudando a planejar as melhores datas para as revisões preventivas.
  • Manutenção corretiva: é aquela que faz os reparos após falha ou quebra de equipamentos. Costuma ser a mais cara e também a que demanda mais tempo de veículo parado, uma vez que acontece para resolver um problema já instaurado.

Já deu para notar que a manutenção de frota de caminhões que não pode faltar em um bom planejamento de gestão é a preventiva.

Nela, são realizadas trocas de óleo, filtro, pastilhas de freio, bicos injetores, velas, cabos e outras peças que ajudam a manter o bom funcionamento do veículo.

Outro ponto que torna este tipo de manutenção tão importante é o financeiro. É muito mais econômico realizar esses reparos preventivos, cujo tempo de parada é programado e mais curto, do que esperar que o dano aconteça para, somente então, procurar um mecânico.

E falando nesse profissional, uma dica que ajuda a reduzir gastos é justamente encontrar uma oficina mecânica de confiança e firmar uma parceria para a manutenção. Dessa forma, é possível negociar valores e economizar na mão de obra especializada.

Para deixar este acompanhamento bem mais simples, a Cobli disponibiliza um checklist de manutenção de caminhões que ajuda a guiar o planejamento do gestor.

frota-de-caminhoes
O uso de tecnologia facilita a gestão da frota de caminhões, permitindo o monitoramento e controle das viagens.

Como e quando fazer a renovação de frota de caminhões?

Por fim, vamos falar sobre a renovação de frota de caminhões, que também precisa estar no radar estratégico da empresa.

O caminhão costuma ter uma vida útil considerável, especialmente quando as manutenções estão em dia, entretanto, é preciso mensurar sua produtividade na rotina operacional e também no aspecto econômico.

Veículos mais antigos costumam ter a potência comprometida e seu desempenho em relação ao consumo de combustível pode impactar negativamente nos custos da viagem.

Para que a renovação seja feita de forma eficaz, é fundamental que o gestor faça um planejamento a curto e longo prazo, prevendo todos os gastos e deixando em caixa o montante que será usado para a modernização da frota de caminhões.

Esta publicação te ajudou? Confira essa e outras explicações sobre questões de logística e gestão de frota no blog da Cobli.

Fale com nossos especialistas!

Estamos disponíveis para tirar dúvidas e demonstrar o sistema de rastreamento e monitoramento de frotas da Cobli em ação.

Teste grátis

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.