Gestoras de frota: os desafios das mulheres no setor logístico

Se você gosta do conteúdo que o Blog da Cobli produz sobre gestão de frota, com certeza vai se amarrar neste texto aqui: vamos falar sobre gestoras de frota!

O tema deste texto são as mulheres que gerenciam os veículos usados por empresas para transporte, coleta e prestação de serviços: as gestoras de frota.

Ser gestora de frota não é tarefa fácil. Além de ser responsável por supervisionar o uso dos veículos e pensar em estratégias para reduzir custos e elevar a eficiência da frota, essas profissionais têm que circular em ambientes ainda predominantemente masculinos.

Mas, como você bem sabe, lugar de mulher é onde ela quiser, inclusive na gestão de frota!

Neste texto, vamos traçar um breve panorama da situação das gestoras de frota e ainda dar informações sobre as principais responsabilidades de quem ocupa este cargo. Siga a leitura e confira.

Qual a situação das gestoras de frota no mercado de trabalho?

As mulheres enfrentam desafios em praticamente todos os setores da economia. E a pandemia tornou tudo ainda mais difícil.

A desaceleração econômica causada pela Covid-19 impactou desproporcionalmente as mulheres, cuja participação no mercado de trabalho atingiu os menores índices em 30 anos.

Segundo pesquisa do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), o percentual de mulheres no mercado de trabalho no terceiro trimestre de 2020 era de 45,8% — o menor índice desde 1990 (44,2%).

As contratações de mulheres como gestoras de frota vêm aumentando paulatinamente nos últimos anos. No entanto, a maioria dos trabalhadores do setor logístico ainda é do sexo masculino.

De acordo com o relatório “Tendências para gestão de frota em 2022”, elaborado pela empresa de tecnologia Trimble, 78,82% dos profissionais de gestão de frota são homens e 20,69% são mulheres.

No ano anterior, a porcentagem de mulheres na gestão de frota era de 16,8%. Ou seja: elas realmente estão ganhando espaço!

Uma outra pesquisa, do Instituto Paulista do Transporte de Cargas (IPTC), órgão ligado ao Sindicato das Empresas de Transportes de Carga de São Paulo e Região (SETCESP), também traz dados interessantes.

Em 62% das empresas de transporte, os cargos de supervisão e diretoria são ocupados majoritariamente por homens. E mais: 73% dos diretores/presidentes são do sexo masculino.

A pesquisa também destacou que 70% das mulheres concordavam que, em seus locais de trabalho, a maternidade era vista como um impeditivo para a ascensão profissional. E 91% ambicionava subir de cargo (principalmente as mulheres pardas, negras, solteiras e menos escolarizadas).

Segundo relatório da empresa de tecnologia Trimble, as gestoras de frota são 20,69% da mão-de-obra do setor.

Como podemos ver, a situação das mulheres na gestão de frota ainda precisa avançar bastante.

No entanto, cada vez mais empresas se esforçam para montar um quadro de funcionários diversos e atrair e manter talentos femininos. E há bons motivos para isso.

O relatório “Mulheres na gestão empresarial: argumentos para uma mudança”, da Organização Internacional do Trabalho, indicou que empresas brasileiras com mulheres em postos de liderança têm melhor desempenho do mercado e lucros de 5% a 20% maiores.

Dados como esses provam que as mulheres estão mais do que aptas a ocupar funções tradicionalmente identificadas ao sexo masculino, como a gestão de frota.

É por isso que há cada vez mais gestoras de frota no mercado, como a Regiane Santos, que gerencia uma empresa de frotas terceirizadas em Rio Branco, no Acre, e contou ao blog da Cobli um pouco de sua rotina.

Para ajudar quem sonha em ocupar a posição de gestora de frota ou melhorar sua performance no cargo, vamos dar mais informações sobre a carreira nos próximos tópicos. Fique atenta!

O que faz uma gestora de frota?

Ser gestora de frota é uma grande responsabilidade. Quem assume o posto precisa gerenciar equipes de motoristas e outros trabalhadores da logística, controlar orçamentos, assegurar a manutenção preventiva da frota, planejar rotas e, em todo o tempo, buscar eficiência e economia.

Confira quais são as principais atribuições de uma gestora de frota:

Gerenciamento financeiro

A gestora de frota é quem cuida do dinheiro. Essa profissional é responsável por controlar o orçamento, combater desperdícios e buscar sempre a economia de recursos.

A gestora deve ter, na ponta do lápis, todos os valores gastos na manutenção e reprodução da frota.

Por exemplo: os custos de cada viagem, os salários dos motoristas, quanto se gasta com consertos de caminhões, combustível, etc.

Entre as atribuições das gestoras de frota estão a supervisão de equipes, o controle de orçamentos e rotas e a busca pela economia e pela eficiência.

Além disso, a gestora de frota deve planejar cuidadosamente os gastos futuros e se esforçar para não estourar o orçamento.

A meta deve ser sempre a mesma: reduzir os gastos por meio de estratégias inteligentes que propiciem mais economia e eficiência.

Manutenção da frota

Uma das principais responsabilidades da gestora de frota é assegurar que a manutenção preventiva dos veículos que compõem a frota esteja em dia.

A manutenção preventiva inclui todas as práticas que ajudam a conservar e prolongar a vida útil dos veículos.

A manutenção preventiva é essencial para garantir a economia de recursos, pois tratam-se de práticas que permitem reduzir ao máximo a substituição dos veículos e a redução dos gastos na oficina.

Gestão de equipe

Não adianta saber gerir apenas operações ou projetos. É fundamental saber gerir pessoas!

A gestora de frota é uma líder. Ela é a responsável por comandar uma gama de funcionários, desde o pessoal da logística aos motoristas que trabalham na estrada.

Uma boa gestora deve inspirar as equipes e assegurar que cada um dos colaboradores siga os protocolos de acordo com os protocolos estabelecidos pela empresa.

Para conseguir esse feito, vale a pena investir na capacitação das equipes, oferecendo cursos aos colaboradores.

Uma boa gestora também precisa estar atenta às demandas de seus subordinados e ouvir as sugestões de quem está na linha de frente para melhorar as rotinas de trabalho.

Controle de rotas

Um dos segredos da boa gestão de frotas é o planejamento de rotas.

Roteirizar não é só colocar um endereço em um aplicativo e seguir viagem.

Para planejar rotas, é necessário observar diversas variáveis, como o número de paradas a serem feitas ao longo do caminho, condições de trânsito, interdições à circulação de veículos pesados em determinados trechos, horário em que o cliente está disponível para receber a carga, etc.

Uma boa gestora de frotas deve considerar seriamente a contratação de um sistema de roteirização.

A Cobli oferece um dos melhores sistemas de roteirização do mercado! Basta inserir as informações e a ferramenta elabora sua rota.

O sistema da Cobli permite desenhar uma rota com até 300 paradas.

Além disso, você pode optar pela rota mais curta, se quiser diminuir a distância percorrida, ou pela rota mais rápida, se estiver a fim de economizar tempo na estrada.

Quer saber mais sobre o roteirizador da Cobli? Clique aqui e descubra por que nossa ferramenta é uma mão na roda para a gestora de frota!

Como a Cobli pode ajudá-la a ser uma gestora de frota melhor?

Acima, explicamos como o sistema de roteirização da Cobli pode beneficiar o trabalho de uma gestora de frota.

A Cobli tem ainda outras soluções tecnológicas fundamentais para a gestão de frota, como sistemas de monitoramento e rastreamento, telemetria e outros.

Ao clicar aqui, você poderá ler mais sobre gestão de frota: quais cursos são essenciais para seguir nessa carreira, quais são os principais profissionais que atuam na gerência de frotas e até a média salarial por Estado, etc.

A Cobli conta também com uma plataforma de cursos idealizados especialmente para quem melhorar seu desempenho da gestão de frota, como segurança no trânsito para frotas, manutenção para frotas, controle de combustível e outros. Conheça o Cobli Ensina!

Quer mais uma dica para ser uma boa gestora de frota? Não deixe de consultar com frequência o blog da Cobli. Aqui você sempre vai encontrar informações que vão ajudá-la a avançar no mundo da logística!

Esta publicação te ajudou? Confira essa e outras explicações sobre questões de logística e gestão de frota no blog da Cobli.

Fale com nossos especialistas!

Estamos disponíveis para tirar dúvidas e demonstrar o sistema de rastreamento e monitoramento de frotas da Cobli em ação.

Teste grátis

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.