Post atualizado em

Muito se fala sobre como os sistemas de gestão  podem auxiliar na parte logística da empresa, reduzindo custos e aumentando a produtividade. Porém, mais importante do que isso, esse tipo de tecnologia pode garantir a segurança do seu time de condutores. Quer saber de que forma o sistema pode te ajudar a fazer uma melhor gestão do motorista? Separamos alguns exemplos para você:

Como um sistema de gestão de frotas pode proteger os seus motoristas?

1. Rastreamento da frota

Softwares eficientes possibilitam que a empresa rastreie em tempo real os veículos. Se você está se perguntando: Mas como isso contribui para a segurança dos meus motoristas? Simples: Caso você, gestor ou profissional que trabalha na área de logística da empresa, perceber que o veículo está parado por muito tempo, pode entrar em contato com o motorista para saber o motivo da parada. Caso, por exemplo, ele tenha se envolvido em um acidente, você poderá solicitar socorro com muito mais rapidez, informando para o resgate a localização exata do veículo, com as informações obtidas através do sistema de rastreamento.

2. Monitoramento da frota

Já falamos no texto ‘Gestão de frotas: Manutenção da frota‘, o quanto treinar os motorista é importante para aumentar a vida útil dos veículos. Mas, um outro benefício de investir em treinamento é o aumento da segurança. Motoristas treinados, são mais conscientes. O que um sistema de gestão de frotas tem a ver com isso? Fácil! Softwares que possuem a função de monitoramento de frota permitem que você acompanhe o modo de condução de cada motorista e saiba qual tipo exato de treinamento eles precisam, a fim de evitar acidentes, multas, entre outros.

3. Modo de condução dos motoristas

Essa é mais uma função que tem a ver com o monitoramento de frotas. Atualmente existem sistemas de gestão de frotas que, além de monitorar o modo de condução dos motoristas, criam um ranking mostrando quem são os melhores e os piores condutores. Com essas informações você pode ter mais controle da operação e até pensar em definir bonificações para os motoristas exemplares, e treinamentos para os motoristas que ficam nas posições mais baixas do ranking, criando uma competição saudável e aumentando a segurança do seu time.

4. Roteirização

O mercado e a concorrência “exigem” que as tarefas (entregas e serviços) sejam feitas de forma cada vez mais rápida. Mas, a busca pelo aumento da produtividade dos funcionários, se não for planejada, pode ser perigosa. Quando nos referimos às empresas que possuem frotas, fatores como trânsito congestionado e ruas em más condições podem ser grandes obstáculos para os motoristas que precisam cumprir prazos. É aí que está o perigo. Andar em alta velocidade a pegar atalhos em ruas desconhecidas e perigosas, correndo risco de assaltos ou acidentes, se tornam uma opção para o condutor que precisa cumprir prazos. É nessa parte que um sistema de gestão de frotas que fornece o serviço de roteirização pode ajudar. Esse tipo de tecnologia planeja a sequência perfeita de estados, cidades e/ou bairros do percurso que será percorrida pelo veículo, a fim de otimizar o tempo dos profissionais, minimizar a distância percorrida, diminuir os riscos de acidentes e até reduzir custos com combustíveis e manutenções, entre outros benefícios.

5. Controle de manutenção

Outra função de um bom sistema de gestão de motorista, é a de ajudar o gestor a manter a manutenção dos veículos em dia. Com esse tipo de tecnologia, é possível ter um maior controle dos prazos para as manutenções preventivas, de quais serviços mecânicos já foram ou não realizados e assim, identificar quais serão os próximos itens que precisarão ser verificados. Afinal, veículos com a manutenção em dia, são mais seguros.

Acesse nosso site, descubra nossas soluções personalizadas e como a gente pode te ajudar!

Rastreamento de Frota

badge primary e1563977884304 - Gestão dos motoristas: cuidando melhor da sua frota
Cobli

euquero@cobli.co
(11) 4810-2200

Escreva um Comentário