estrategias-logisticas

Estratégias logísticas: quais as principais e melhores?

Em um mercado competitivo e que traz concorrência crescente, adotar estratégias logísticas para aumentar a qualidade do serviço ou produto oferecido e ainda reduzir os custos para a empresa é um movimento essencial.

Seja em relação à gestão da frota, controle do armazenamento e estoque, automatização da distribuição ou transporte inteligente, as estratégias logísticas são capazes de alavancar a produtividade da companhia e gerar resultados significativos para sua sustentabilidade.

Implementar a logística estratégica em empresas de qualquer segmento é um ótimo recurso para melhorar a competitividade no segmento e assim atender a demanda crescente.

Um exemplo que elucida bem este cenário é o de galpões e condomínios logísticos, que bateram recordes históricos no segundo trimestre de 2022, alcançando sua maior taxa de absorção líquida com 872 mil m² alugados.

O resultado expressivo é fruto da explosão do e-commerce no Brasil, especialmente após o início da pandemia do novo coronavírus. Apenas em abril, maio e junho de 2022, o crescimento registrado foi de 4,3% em relação ao ano passado, representando um total de 89,6 milhões de vendas online.

Com tamanha expectativa e com a necessidade de se destacar no mercado, vale a pena inserir ações que visam enriquecer e melhorar os processos produtivos.

Se você quer saber o que fazer para melhorar a logística de uma empresa está no lugar certo. A seguir, preparamos um guia completo sobre o assunto, com muitas dicas para você implementar estratégias logísticas de maneira prática e eficaz, confira.

O que é logística estratégica?

A logística estratégica é a área que vai criar e determinar ações visando otimizar demandas e fluxos de trabalho nos setores em que atua, reduzir custos de produtos e serviços, elaborar recursos e soluções diferenciadas para aumentar a competitividade, além de criar valor de marca para a empresa.

Seu foco se mantém sempre alinhado com as necessidades de seus clientes, de modo a atendê-las com qualidade, agilidade e com o melhor custo.

Para isso, claro, é preciso estar atento para não perder de vista os elementos básicos de seu setor. É essencial, neste caso, saber quais as 5 principais funções da logística e praticá-las em conformidade com as novas estratégias da área. Veja abaixo quais são elas:

  • Oferecer o melhor serviço ao cliente;
  • Obter os menores custos de distribuição;
  • Promover uma distribuição mais ágil;
  • Implantar menor custo de estoque e menos volume;
  • Diminuir perdas e avarias de produtos.

Claro que estas são algumas das funções da logística, mas sua atuação vai muito além disso. Aliás, como já deu para notar, este setor cuida não apenas do transporte, mas de toda a operação e armazenamento dos produtos.

estrategias-logisticas
As estratégias logísticas permitem uma operação mais inteligente e com redução de custo.

Quais são as estratégias da logística?

Chegou a hora de explorarmos com riqueza de detalhes algumas das estratégias logísticas que fazem a diferença no dia a dia de uma empresa.

Algumas delas requerem certo investimento por parte da companhia, mas os resultados que podem apresentar certamente compensam as despesas.

Quando bem aplicadas, estas estratégias são capazes de garantir a disponibilidade de recursos, sejam eles matérias-primas ou produtos finais, nas quantidades ideais e em seus locais adequados.

Para isso, processos são otimizados ao máximo para trazer rentabilidade e, claro, lucros para toda a operação da companhia.

Confira a seguir algumas das principais estratégias logísticas.

Investimento em tecnologia

A tecnologia é uma grande aliada na gestão de uma empresa e com a área de logística não é diferente. Existem diversos softwares disponíveis no mercado que contribuem para otimizar as operações e oferecer uma comunicação integrada entre as áreas.

Desde programas que realizam o gerenciamento de estoque até aplicativos que fazem o rastreamento e monitoramento de frotas, é imprescindível implementar sistemas tecnológicos que permitam oferecer agilidade operacional e de gestão, bem como na distribuição dos produtos.

Monitoramento de dados e indicadores

O monitoramento de indicadores está diretamente ligado ao tópico anterior, afinal, é o uso de tecnologia e recursos inteligentes que permitem a obtenção de dados e relatórios sobre toda a operação.

Mas de nada adianta investir neste tipo de sistema se a gestão da empresa não realiza uma análise periódica e assertiva sobre seus resultados.

Neste sentido, então, a dica é olhar atentamente para indicadores de desempenho (KPIs) para ter um panorama sobre a produtividade e, com isso, criar estratégias e ações que podem corrigir possíveis falhas neste processo.

Centro de distribuição e inventário de estoque organizados

A logística de um centro de distribuição só é efetiva quando existe uma estratégia de organização eficiente por trás.

Dessa maneira, é fundamental que o gestor avalie os processos mais adequados e o formato mais eficiente de organização do estoque para que a entrada e saída dos produtos seja rápida, prática e simples para todos os colaboradores envolvidos.

Além disso, é primordial que o inventário de estoque seja realizado com eficácia e levando em consideração a sazonalidade de vendas.

Atendimento de qualidade

Oferecer um atendimento de qualidade aos clientes também está entre as estratégias logísticas, isso porque é necessário fazer com que a experiência do consumidor com seu produto ou serviço seja completa.

Por isso, é importante que a equipe de atendimento receba treinamento eficiente e periódico para sempre realizar um trabalho resolutivo e ágil.

Otimização de rotas

A entrega de produtos é um dos elementos que ajudam a gerar valor de marca, isso porque um frete com custo acessível e que cumpra prazos contribui muito para que a experiência de compra seja positiva e, assim, o consumidor volte a adquirir seus produtos.

Além disso, uma rota otimizada influencia diretamente nos custos da empresa, por isso, a dica é investir em aplicativos e programas de monitoramento de frota.

Automatização de processos

Diversos processos podem e devem ser automatizados, sempre que a empresa tiver capacidade financeira para isso. Desde a linha de produção e compra de matéria-prima até o monitoramento de entregas, é possível implementar uma logística automatizada e que dê suporte ágil para os gestores.

estrategias-logisticas
As estratégias logísticas usam tecnologia e processos otimizados para oferecer uma cadeia operacional mais assertiva.

Vantagens de aplicar as estratégias logísticas em sua empresa

A utilização de estratégias logísticas impacta diversos pontos do funcionamento de uma empresa, especialmente na área financeira.

Entre as vantagens que mais se destacam estão a redução de custos em diversos processos, como estoque e transporte, maior competitividade, a oferta de uma ótima experiência ao cliente, valorização da imagem da marca, melhor performance em diversas áreas da operação, além claro de maior lucratividade.

Existe ainda um ponto relevante e que merece ser abordado que é a influência nas tomadas de decisão dos gestores e diretores.

Isso porque as estratégias logísticas permitem identificar falhas operacionais e também oportunidades de melhorias, influenciando assim as ações que serão implementadas para garantir um futuro de sucesso para a empresa.

Esta publicação te ajudou? Confira essa e outras explicações sobre questões de logística e gestão de frota no blog da Cobli.

Fale com nossos especialistas!

Estamos disponíveis para tirar dúvidas e demonstrar o sistema de rastreamento e monitoramento de frotas da Cobli em ação.

Teste grátis

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.